25 novembro, 2012

Meme: Incentivo a Leitura

   Oi leitores, depois de um tempão eu decidi aceitar a indicação de um meme para postar aqui no blog. O que acontece é o seguinte: eu não curto muito aqueles memes chatos, cheio de perguntas estranhas que não tem muito haver com a literatura, ai o povo me indica e eu nem posto. Porém, eu gostei desse que se chama Incentivo a leitura, simples, curto e objetivo.
   A iniciativa desse meme partiu do blog Grobsch, sendo que os criadores foram Grobsh e Irina Zachello, acho que não errei nenhum nome :p. Quem me indicou nessa brincadeira foi o Marcelo Ricarte do blog parceiro do EPL Santuário de Letras (visitem, o blog é bem legal).


Regras:
   Postar a imagem com o laço acima; Indicação de 10 blogs; Não oferecer o laço a "quem quiser pegar" sem indicar os blogs primeiro, porque assim a distribuição ficará contida  a um numero menor de blogueiros. Poucos acabam espalhando o meme sem receber indicação; Avisar os blogs indicados sobre o meme; Responda a pergunta: "Qual livro você indicaria para uma pessoa começar a ler?"

Livro indicado:
   Um livro só para indicar é difícil, tem tantos bons que eu li, mas vou tentar escolher um no meio de muitos. Minha indicação vai ser de um livro que todo mundo deve gostar independentemente do gênero ou estilo da narrativa. Foi um livro que eu li esse ano e comprei na Bienal de Minas (aquela que eu disse que o teto caiu). Pois bem, o livro é: A Vida em Tons de Cinza de Ruta Sepetys.
Vida em tons de cinza, A
   O livro é muito lindo e é capaz de emocionar qualquer leitor que lê. A história é de ficção baseado em fatos verídicos, tudo realmente aconteceu mas a autora trocou o nome dos personagens, acrescentou outros e mudou algumas coisas, mas nada demais que interferisse na narrativa. Tudo ocorreu durante a Segunda Guerra  quando a União Soviética estava nas mãos de Stalin (idiota). Lina Vilkas é uma lituana que tem 15 anos somente e tem muitos sonhos, dotada de um talento artístico ela se prepara para estudar artes, porém a noite de 14 de julho de 1941 muda seus planos. Por toda a região do Báltico, a polícia secreta soviética está invadindo casas e deportando pessoas. Junto com a mãe e o irmão de 10 anos, Lina é jogada num trem, em condições desumanas, e levada para um gulag, na SibériaLá, os deportados sofrem maus-tratos e trabalham arduamente para garantir uma ração ínfima de pão. Nada mais lhes resta, exceto o apoio mútuo e a esperança. E é isso que faz com que Lina insista em sua arte, usando seus desenhos para enviar mensagens codificadas ao pai, preso pelos soviéticos.


Blogs Indicados:
   Eu indicarei aqui os blogs, são 10; Eu sou contra isso, acho que publica quem quer, mas como é a regra, vamos lá:

Por hoje é só, até o próximo post: Resenha do livro você está sendo vigiado u.u
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. Fui indicada! Espera... o teto caiu? Como assim? Hahuahuahuahua. Foi mal pela risada, mas é engraçado. Lembro que você mostrou esse livro em um vídeo de caixinha de correio, acho que no mês passado. Aliás, me interessei por esse livro, depois vou ver quanto está custando. Vou publicar o meme mais tarde!
    Beijo,
    docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir