23 dezembro, 2013

Entre as páginas de Fique Comigo - Harlan Coben | Resenha

 
Harlan Coben ficou muito conhecido por lançar livros com histórias de Myron Bolitar, cujo qual é o protagonista de uma série de mesmo nome que originou outra série cujo nome é Mickey Bolitar que está ganhando a maior atenção dos leitores e o autor está investindo muito nela, assim como a sua editora nos Estados Unidos. Mas, além dessas duas séries o autor também escreve livros independentes com personagens e histórias novas, como é o caso de Fique Comigo que foi lançado no país nesse ano. Confira a resenha abaixo.

 
Harlan Coben - Fique Comigo | Editora Arqueiro, 2013 | 288 Páginas | Suspense / Policial
Avaliação: Excelente

Fique Comigo não é o melhor livro independente do autor, mas talvez um dos únicos que traz uma narrativa forte, com três principais histórias paralelas que ficam sendo o foco do livro sem muitas reviravoltas no desenvolvimento mas com muitas novidades e surpresas. As reviravoltas de verdade começam a surgir quando as histórias se cruzam totalmente no final da narrativa que possui um ritmo frenético. A obra ainda conta com o padrão da narrativa do Harlan, sem nenhuma grande novidade, mas isso não é um ponto negativo.

http://www.harlancoben.com/wp-content/gallery/harlan-coben/lucy.jpgO início da narrativa já possui um ritmo acelerado ao mesmo tempo que o autor nos apresenta a três personagens principais: Meagan Pierce, Ray Levine e, talvez o mais importante: Broome. Além disso podemos encontrar um número gigante de outros personagens secundários e outros que são ainda mais distantes da história. Isso pode confundir o leitor, mas Coben sabe focar nos personagens que realmente importam, e mostra que os outros foram necessários para que sua história chegasse o mais próximo da realidade possível.

Sim, o livro é de ficção, mas bem próximo da realidade atual, encontramos, por exemplo, personagens utilizando rastreadores de telefone, Facebook. Até mesmo a própria história é bem próxima da realidade. Além disso, a descrição de todo o cenário e dos personagens é realmente de deixar outros autores com inveja, pois Coben não exagera nos detalhes, mas também não os esquece, e sim escreve na medida certa para o leitor.

Como já dito, os capítulos intercalam-se entre vários personagens importantes para a trama, todos em terceira pessoa. Entre eles podemos destacar:  

Megan Pierce que tem uma vida tranquila e equilibrada, é mãe de dois filhos e esposa de uma marido que a ama muito. Contudo, ela não consegue esquecer seu passado e da vida que levava 17 anos atrás e resolve que precisa voltar atrás depois do desaparecimento do jovem Carlton Flynn e da revelação bombástica que uma velha amiga lhe disse.

Temos também Ray Levine, um renomado fotógrafo falido que teve sua vida marcada a 17 anos, quando a pessoa que ele amava, Cassie, desapareceu após a morte de um homem no mesmo dia do ano atual, quando ele encontra Flynn morto. Após fotografar o garoto ele é roubado e apenas sua câmera é levada. Em todos esses anos ele nunca esqueceu Cassie, mas nunca a encontrou.

http://beletristas.com/wp-content/uploads/2013/07/FiqueComigo3.pngPor último temos o detetive Broome, um homem persistente que nunca esqueceu o desaparecimento de Stewart Green, que ocorreu há 17 anos atrás. Desde então ele ajuda a esposa superar o ocorrido, mas agora, com o sumiço do  Flynn no mesmo dia que Green desapareceu ele tenta finalmente tenta achar o culpado, mas isso vai muito além do que ele imagina, envolvendo muitos outros crimes e pessoas que podem ter alguma ligação com o acontecimento.

Toda a narrativa começa justamente com o desaparecimento de Flynn, a partir de então começam as buscas para solucionar o caso que começa a ganhar proporções cada vez maiores a medida que a investigação avança. Quem é o culpado por trás de tudo isso e por quê? Pode ser Megan, Ray, Broome (quem sabe) ou outros personagens importantes que vão surgindo ao decorrer da história.

O desfecho da narrativa é muito bem bolado e deixa muitos leitores surpresos, é difícil imaginar quem é o culpado, quando finalmente acreditamos que é uma pessoa descobrimos que estamos totalmente enganados. Mas, quando o quebra cabeça é montado, sem erros, descobrimos quem é o culpado e porque e ficamos perplexos porque não descobrimos isso antes.

Fique Comigo é um livro que vale a pena ser lido por quem procura um bom livro de suspense e policial. Possui uma narrativa instigante e envolvente, capaz de deixar o leitor passar noites em claro e querendo ler a cada momento uma nova página. Porém, não é o melhor livro do autor que parece não inovar como fez em Fique Comigo e Desaparecido Para Sempre, tendo uma história mais simples, mas que nem por isso deixe de ser ótima.

A edição:
A edição brasileira está muito boa, com uma capa que descreve exatamente o que acontece na história, uma diagramação simples que segue o padrão dos outros livros do autor, páginas amarelas e finas, tudo muito legal com exceção de um detalhe: a tradução. A tradução está boa, mas cometeu um erro grave: tratar a advogada Hester, que aparece em todos os livros independentes do autor, como um homem, sendo que é uma mulher, como já foi dito em todos os outros livros. 

Obs:
A primeira imagem, do elefante, é um dos cenários do livro que mais despertou a minha atenção. Lendo Fique Comigo você saberá mais sobre ele :D

Book Trailer:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

5 comentários:

  1. Oláa, eu nunca li nada do Harlan Coben, mas tenho muita curiosidade pra ler os livros dele, só vejo comentários positivos.
    beeijos
    http://keetring.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. E aí,nunca li nada dele também, mas já ouvi dizer e muito que é um bom escritor! O jeito é achar um tempinho vago para entrar nessa vibe também! hehe.

    ResponderExcluir
  3. Tio Harlan e suas histórias! haha
    Pelo enredo parece ser muito bom, todo esse enigma de quem é o culpado, você deve querer ler até o final, sem parar, para poder descobrir!
    E a Arqueiro sempre faz bem feito suas edições, é uma das editoras que mais gosto!

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca li nada dele, mas você já me indicou todos os livros né? rsrs!
    Ótima postagem, Caíque.. Não é a toa que você é fã do cara.

    Abraço!
    www.likelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, Caíque!
    Gostei muito de sua resenha! Li Fique Comigo e amei, como você já deve saber. Este foi o segundo livro que li do autor, sendo os dois independentes.

    Um beijo!
    Doce Sabor dos Livros - Aguardo sua visita!

    ResponderExcluir